Covid-19: clínicas particulares só devem ter vacina no 2º semestre de 2021

Covid-19: clínicas particulares só devem ter vacina no 2º semestre de 2021
Foto: Whitession/Pixabay

A Associação Brasileira de Clínicas de Vacinas estima que as vacinas contra a Covid-19 só estarão disponíveis na rede particular, na melhor das hipóteses, a partir do segundo semestre do ano que vem ou em 2022, informa o Agora São Paulo.

“A associação, após contato com todos os fabricantes que estão em pesquisa, ressalta que não existe qualquer previsão de abastecimento de vacinas contra a Covid-19 para o mercado privado, pois toda a produção mundial está dedicada ao pleno atendimento dos governos”, explicou a entidade em nota.

O presidente da associação, Geraldo Barbosa, afirmou que, “neste momento, a gente não pode criar nenhuma expectativa de curto prazo para a liberação desta vacina”.

“Estamos fazendo todos os esforços para a vacina chegar ao mercado privado”, acrescentou Barbosa, observando que a preparação das clínicas para vacinar deve ser rápida –o problema será a disponibilidade de imunizante para a demanda prevista.

 

Leia mais: Confira um resumo das principais matérias da edição passada e entenda por que você não pode ficar de fora das próximas.
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 20 comentários
TOPO