ACESSE

Covid-19: mais de 300 PMs que atuam em UPPs são afastados

Telegram

Mais de 300 policiais militares que atuam nas UPPs do Rio foram afastados em razão da Covid-19.

Até domingo passado, segundo o G1, 343 policiais não estavam trabalhando por causa da pandemia.

Desses, apenas 10 PMs tiveram a confirmação da doença.

Ainda de acordo com a corporação, três PMs morreram de Covid-19 e dois policiais estão internados em estado grave.

Leia também: Bom jornalismo: a sua proteção contra as fake news. Entenda

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 13 comentários