ACESSE

Covid-19: novo método da prefeitura do Rio exclui 1.177 mortos de estatística

Telegram

Depois de uma semana sem divulgar dados de mortes causadas pelo novo coronavírus, a prefeitura do Rio restabeleceu nesta terça-feira (26) a publicação dessas informações com novo método, informa O Globo.

A partir de hoje, estão sendo consideradas na contagem apenas mortes cujos atestados de óbito contenha confirmação de infecção pelo vírus.

A mudança, segundo o jornal carioca, cria um gargalo nas estatísticas: enquanto os hospitais já registraram 2.978 vítimas fatais com suspeita ou confirmação da doença na capital, o painel mostra apenas 1.801 óbitos —uma diferença de 1.177 pessoas.

O número maior foi anunciado mais cedo pela Secretaria de Estado de Saúde, que inclui a cidade do Rio de Janeiro em seus boletins diários.

Leia também: Combate à pandemia: o Brasil procura um responsável

Comentários

  • Marcio -

    Esse prefeito do Rio usa a bíblia pra enganar o povo.

  • Saulo -

    Infelizmente crusoé e anta...gonista. Ilhas de fake news

  • Jose -

    Dinheiro🤮🤮💰💰💰💰

Ler 54 comentários