Covid-19 pressiona hospitais no interior paulista

Covid-19 pressiona hospitais no interior paulista
Foto: Governo do Estado de São Paulo

O interior paulista voltou a registrar crescimento nos números de novos casos, de novas mortes e de internações por Covid-19 cerca de um mês depois de passar para a fase verde, menos restritiva, do Plano São Paulo, relata a Folha.

De acordo com a ferramenta criada por pesquisadores da USP e da Unesp para monitorar os dados da pandemia nos municípios do estado, Campinas, Sorocaba e Taubaté são hoje as regiões em situação mais crítica.

“Essas três regiões mantêm o índice de retransmissão (Rt) do vírus muito acima de 1,0 –considerado o limiar para se definir se a pandemia está sob controle. Até sexta (27), projeções apresentavam Rt de 1,69 em Campinas, 1,75 em Sorocaba e 2,04 em Taubaté”, escreve o jornal paulistano.

O governo de João Doria pode anunciar a volta de restrições e medidas de isolamento social nesta segunda (30), um dia depois do segundo turno das eleições municipais.

“Passou muito tempo, já deveria ter fechado tempos atrás”, disse à Folha o professor da Unesp Wallace Casaca. “É muito conflitante porque vai entrar no período de Natal. Vai ser uma situação difícil de balancear.”

Leia mais: Os leitores de O Antagonista não agonizam com polêmicas fake.
Mais notícias
TOPO