Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Covidão no Pará: Justiça confisca 2 milhões de Helder e mais 10 réus

Covidão no Pará: Justiça confisca 2 milhões de Helder e mais 10 réus
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

A Justiça do Pará confiscou R$ 2,18 milhões das contas de 11 réus, entre eles o governador do Pará, Hélder Barbalho (MDB). A decisão foi tomada no âmbito de uma ação de improbidade administrativa por desvios de recursos no combate à pandemia.

A juíza Marisa Belini de Oliveira, da 3ª Vara de Fazenda de Belém, acatou o pedido do Ministério Público do Pará sobre a indisponibilidade dos bens, mas recusou o afastamento de Barbalho do governo.

O alvo do MP é um contrato de R$ 8,4 milhões, para a aquisição de 1,6 mil bombas de infusão, com a empresa SKN do Brasil, a mesma envolvida na venda de respiradores — que também está sob investigação, inclusive do STJ.

O contrato suspeito foi denunciado por O Antagonista no ano passado. A SKN do Brasil é a mesma empresa que vendeu respiradores para o governo de Wilson Witzel, denunciado pela PGR e afastado do cargo pelo STJ.

Leia mais: Assine a Crusoé, a publicação que fiscaliza TODOS os poderes da República.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO