ACESSE

Covidão no Rio: PF tem comprovantes de pagamentos suspeitos para Helena Witzel

Telegram

A decisão de Benedito Gonçalves contra Wilson Witzel, obtida por O Antagonista, registra que a Polícia Federal encontrou no e-mail de Alessandro Duarte — considerado braço-direito do empresário Mário Peixoto — “documentos relacionados a pagamentos” para a primeira-dama, Helena Witzel.

Como mostramos mais cedo, o escritório dela tinha um contrato de prestação de serviços de honorários advocatícios com a empresa DPAD Serviços Diagnósticos, empresa que integra um consórcio que detém contratos ativos de saúde com o governo Witzel e prefeituras do estado.

O e-mail a Alessandro com o comprovante de pagamento foi enviado por Juan Elias, apontado como contador de empresas ligadas a Mário Peixoto. A suspeita da PF é de que não foi prestado nenhum serviço advocatício ao empresário.

Leia também: A bolada do Centrão no governo federal

Comentários

  • Rodrigo -

    Estas ligações de parentes (esposa )com fornecedores ou prestadores de serviço ao governo não tem como dar certo.No Rio a esposa do Cabral espoliou o governo sem dó.

  • Nando -

    Bolsonaro pagãos a mulher do Witzel tb? Só para saber

  • zóio -

    Bolsonaro e Witzel se merecem. E para aqueles que acham que o governo Bozo não é corrupto, espera pra ver, agora que o Centrão pegou as chaves de muitos cofres.

Ler 28 comentários