Covidão: PF na Prefeitura de Macapá

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quarta-feira (8) a Operação Fiel da Balança, para apurar fraude em licitação realizada com recursos federais destinados ao combate à Covid-19 em Macapá.

O Ministério Público Federal (MPF) participa das investigações.

Cerca de 30 policiais federais cumprem oito mandados de busca e apreensão em órgãos públicos, incluindo Unidades Básicas de Saúde (UBS) e em endereços de empresas e pessoas físicas. A PF também esteve na sede da Prefeitura da capital amapaense.

A operação foi autorizada pela 4ª Vara Federal do Amapá.

Os investigados poderão responder pelos crimes de fraude à licitação, corrupção ativa e passiva, e, se condenados, poderão pegar até 16 anos de cadeia.

Fiel da Balança, o nome da operação, é uma referência ao fato de que o processo licitatório não foi fiel aos princípios da Lei de Licitação, segundo explicou a PF.

Leia mais: A estratégia de Bolsonaro para chegar ao fim do mandato
Mais lidas
  1. Governo estima que mortes por Covid cheguem a 2 mil por dia

  2. Assessor de Mourão procura Congresso: "É bom estarmos preparados"

  3. AGÊNCIA DA ALEMANHA RECOMENDA QUE VACINA DA ASTRAZENECA NÃO SEJA USADA EM MAIORES DE 65 ANOS

  4. "Mega epidemia daqui a 60 dias"

  5. Defesa: leite condensado tem "potencial energético"

Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 2 comentários
TOPO