Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

CPI da Covid aprova quebras de sigilos de Pazuello e integrantes de 'Ministério paralelo'. Leia a lista

Na lista dos levantamentos de sigilos aprovados, estão os do assessor internacional da presidência Filipe Martins; dos ex-ministros Ernesto Araújo e Eduardo Pazuello
CPI da Covid aprova quebras de sigilos de Pazuello e integrantes de Ministério paralelo. Leia a lista
Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado

Na sessão de hoje da CPI da Covid, foram aprovados pedidos de quebras de sigilo telefônico e telemático de 19 pessoas. Todas com envolvimento no chamado “Ministério da Saúde paralelo”.

Na lista dos requerimentos de levantamento de sigilos aprovados, estão os do assessor internacional da presidência Filipe Martins; dos ex-ministros Ernesto Araújo e Eduardo Pazuello; dos médicos Paolo Zanotto e Luciano Dias e de Mayra Pinheiro, secretária de Educação e Trabalho do Ministério da Saúde.

Além disso, também foram aprovadas as quebras de sigilo bancário e fiscal de três empresas de publicidade e de uma entidade sem fins lucrativos. Todas envolvidas com o governo federal.

Amanhã, a CPI da Covid vai fazer uma sessão temática, às 9h, com especialistas para debater ações preventivas ao novo coronavírus. Está confirmada a participação de Natalia Pasternak, microbiologista e pesquisadora da Universidade de São Paulo (USP) e de Cláudio Maierovitch, médico sanitarista da Fundação Oswaldo Cruz e Ex-Presidente da Anvisa.

Leia abaixo a lista completa:

Quebra de sigilos telefônico e telemático
1- Filipe Martins, assessor internacional da Presidência da República;
2 – Ernesto Araújo, ex-ministro das Relações Exteriores;
3 – Eduardo Pazuello, ex-ministro da Saúde;
4 – Zoser Hardman, ex-assessor especial do Ministério da Saúde;
5 – Túlio Silveira, representante da Precisa Medicamentos;
6 – Paolo Zanotto, médico;
7 – Marcellus Campêlo, ex-secretário de Saúde do Amazonas;
8 – Luciano Dias Azevedo, médico;
9 – Hélio Angotti Neto, Secretário de Ciência, Tecnologia, Inovação e Insumos Estratégicos em Saúde do Ministério da Saúde;
10 – Francisco Ferreira Filho, Coordenador do Comitê da Crise do Amazonas;
11 – Francisco Emerson Maximiano, sócio da Precisa Medicamentos;
12 – Francieli Fontana Fantinato, coordenadora do Programa Nacional de Imunização (PNI);
13 – Flávio Werneck, ex-assessor de Relações Internacionais do Ministério da Saúde;
14 – Antônio Elcio Franco Filho; ex-secretário Executivo do Ministério da Saúde;
15 – Camile Giaretta Sachetti, ex-diretora do departamento de Ciência e Tecnologia da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos do Ministério da Saúde;
16 – Arnaldo Correia de Medeiros, secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde
17 – Alexandre Figueiredo Costa e Silva Marques, auditor do Tribunal de Contas da União (TCU);
18 – Mayra Pinheiro, secretária de Gestão do Trabalho e da Educação do Ministério da Saúde;
19 – Carlos Wizard, empresário.

 Quebras de sigilos fiscais
1 – Associação Dignidade Médica de Pernambuco
2 – Empresa PPR – Profissionais de Publicidade Reunidos
3 – Calya/Y2 Propaganda e Marketing
4 – Artplan Comunicação

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO