Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

CPI da Covid: o que esperar do depoimento da advogada da Prevent Senior

Bruna Morato ajudou a elaborar um dossiê com uma série de denúncias contra a operadora de plano de saúde, como a ocultação de mortes de pacientes
CPI da Covid: o que esperar do depoimento da advogada da Prevent Senior
Foto: Pedro França/Agência Senado

A CPI da Covid vai ouvir hoje, a partir das 9h30, a advogada Bruna Morato, que ajudou a produzir o dossiê com denúncias de irregularidades no tratamento de pacientes de Covid pela Prevent Senior.

O documento, encaminhado à CPI e ao Ministério Público, traz uma série de denúncias contra a operadora de plano de saúde, como a ocultação de mortes de pacientes por Covid e a utilização de cloroquina de forma experimental.

Em depoimento à Comissão Parlamentar de Inquérito na semana passada, o diretor da empresa Pedro Benedito Batista Júnior negou as acusações, mas admitiu que os hospitais da rede alteravam o código de identificação das pessoas que eram contaminados pelo novo coronavírus após 14 dias de internação.

Leia as principais perguntas que devem ser feitas a Bruna Morato:
– Quem foi o responsável pelo dossiê contra a Prevent Senior? Ele foi elaborado por qual razão?
– Quais foram as principais irregularidades detectadas na Prevent Senior?
– Quais as provas que já foram levantadas contra a Prevent Senior?
– Quantos pacientes teriam morrido após os tratamentos experimentais do plano de saúde?
– Os médicos eram assediados a prescrever cloroquina para os pacientes? Houve ameaças de demissão?
– O que acontecia com os profissionais que se negavam a prescrever o kit-Covid para os pacientes?

Mais notícias
TOPO