CPI da Pandemia assusta aliados de Ibaneis

CPI da Pandemia assusta aliados de Ibaneis
Foto: Edu Andrade/Fatopress/Folhapress

A iminência da abertura da “CPI da Pandemia” no Distrito Federal está no centro de um conflito político que antecipa em dois anos os debates sobre a sucessão do governador Ibaneis Rocha, diz Helena Mader na Crusoé.

A pressão pela abertura da investigação ficou mais intensa na semana passada, com a prisão de parte da cúpula da Secretaria de Saúde da capital federal.

O secretário da pasta, Francisco Araújo, foi preso preventivamente na segunda fase da Operação Negativo, assim como subsecretários e secretários-adjuntos da saúde.

“A possível abertura da CPI da Pandemia teve o apoio imediato de boa parte da bancada do DF no Congresso. Entre os que deram aval público à investigação estão nomes apontados como potenciais adversários de Ibaneis Rocha na disputa pela reeleição em 2022, como os senadores José Reguffe, do Podemos, e Izalci Lucas, do PSDB.”

Leia aqui a nota completa.

Leia mais: O erro dos governadores na pandemia. Clique aqui para ler mais
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 14 comentários
TOPO