Criminosos fogem da cadeia “pela porta da frente”, diz procurador

Sobre roubos e assaltos noticiados todos os dias, um procurador de Justiça do Rio de Janeiro disse ao G1 que muitos dos criminosos deveriam estar na cadeia, mas saíram pela porta da frente.

“A sensação de [in]segurança não é uma sensação fictícia, imaginária. A sensação de [in]segurança decorre, justamente, desses crimes praticados em via pública, em qualquer lugar, a qualquer hora do dia, muitas vezes por presos recém-saídos do sistema penitenciário beneficiados por progressões ou com a saída temporária. É uma espécie de fuga pela porta da frente com a chancela do sistema criminal”, afirmou o procurador.

Desde dezembro, pelo menos cinco casos envolvendo a juíza Roberta Carvalho de Souza chamaram a atenção do MP, de acordo com a reportagem.

“Os presos eram considerados perigosos e, em alguns casos, faltava cumprir mais de 70% da pena. Em um outro caso, os promotores afirmam que o preso utilizou o benefício da prisão domiciliar pra cometer novos crimes, o que para o Ministério Público, demonstra ausência de responsabilidade para o retorno ao convívio social.”

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. Adotem o métido Bolsonaro. Até hoje não se ouviu um só caso de bandido morto que tenha voltado para praticar violência contra os cidadãos de bem. É inaudito. Debaixo de 7 palmos eles se acalmam

Ler mais 15 comentários
  1. Adotem o métido Bolsonaro. Até hoje não se ouviu um só caso de bandido morto que tenha voltado para praticar violência contra os cidadãos de bem. É inaudito. Debaixo de 7 palmos eles se acalmam

  2. Quando um candidato a presidência sofre uma tentativa de homicídio em plena luz do dia, em meio a uma multidão de pessoas sendo filmado por milhares de pessoa. Sabemos que a BANDIDAGEM E GERAL.

  3. entao galera nao adianta votar no Bolsonaro achando que ele sozinho sem um Congresso favoravel vai por ordem na casa. Precisamos votar em gente que seja contra a bandalheira que virou a lei penal

    1. Me engana q eu gosto… É Bolsonaro na veia sim! E cacete na bandidagem! Fiquem tranquilos, bancada da bala, ruralistas, direitistas, evangélicos, muitos vão apoiar Bolsonaro endurecer leis

    2. Precisa ser gente contra a esquerda também, o pensamento revolucionário tem o marginal como agente desse processo. A explosão da violência brasileira não é por acaso.

  4. Apesar de muita gente falar mal do regime militar, a situação do país piorou consideravelmente durante os governos civis. Quem domina muitas cidades hoje é o crime organizado e o desorganizado tam

  5. Não passamos de uma gente escravizada por uma ditadura comunista bolivariana que nos faz de recheio de um sanduiche, espremidos entre os bandidos dos podres poderes de um lado e dos de rua do outro