Confirmada como ministra, Cristiane Brasil não descarta a reeleição

O nome de Cristiane Brasil como sucessora de Ronaldo Nogueira no Ministério do Trabalho já circulava em Brasília desde o início da manhã de hoje. Até por isso o próprio pai da deputada, e não Jovair Arantes — líder do partido na Câmara — cuidou pessoalmente da negociação com o Planalto.

O fato de Cristiane assumir uma vaga na Esplanada, porém, não muda — pelo menos por enquanto — seu plano de tentar a reeleição em outubro. Pelo contrário. Até abril, quando a lei eleitoral obriga os candidatos a deixarem cargos públicos, a filha de Bob Jeff poderá aparecer um bocado.

O Planalto já confirmou que a deputada é a nova ministra:

Comentários

  • Cláudio -

    A vilania impera em nosso país. E uma ofensa ao povo brasileiro o que esse presidente faz. A ORCRIM tem que permanecer vil "viu".

  • -

    Ao menos no passado as coisas eram feitas e tentavam esconder. Agora é na cara dura e dane-se! O Bob Jef faz o que quer nesse governo de canalhas. Como já é sabido, são cargos políticos e nunca técnicos, pois o soldo da corrupção é dividido, perpetuando-se a quadrilha no poder. Republiqueta de 5.a

  • descamizado -

    Agora esse pilantra do jefferson vai parar de falar mau do governo no seu programa de tv, pago pelo povo. Ficando bom para ambas as partes, como sempre fudeu para o povo.

Ler 27 comentários