As críticas seletivas do relator da MP do Refis

Ataídes Oliveira, relator da MP do Refis no Senado, disse que a Câmara desfigurou a proposta e, portanto, “não aceitará” mudanças que permitem o parcelamento de débitos com a Procuradoria-Geral da União e garantem o perdão das dívidas de entidades religiosas.

O senador tem um grupo de empresas, administradas por seu filho mais velho, com dívidas tributárias. Elas também serão beneficiadas pela MP.

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

  1. O cara, suplente de não sei quem para chegar ao Senado, com seus traços fisionômicos todos quadrados, tem jeitão de contador de bairro (com todo respeito aos contadores que trabalham em bairros). Nunca pensei que fosse grande empresário, com grupo de empresas que, malandreco, estão no REFIS.

  2. Ler mais 5 comentários
    1. O cara, suplente de não sei quem para chegar ao Senado, com seus traços fisionômicos todos quadrados, tem jeitão de contador de bairro (com todo respeito aos contadores que trabalham em bairros). Nunca pensei que fosse grande empresário, com grupo de empresas que, malandreco, estão no REFIS.

    2. PSDB
      Betinho Gomes (PE)
      Giuseppe Vecci (GO)
      Jutahy Junior (BA)
      Marcus Pestana (MG)
      Paulo Abi-Ackel (MG)
      Rodrigo de Castro (MG)
      Rogério Marinho (RN)
      Silvio Torres (SP)
      .
      DEM
      Abel Mesquita Jr (RR)
      Alberto Fraga (DF)
      Alexandre Leite (SP)
      Carlos Melles (MG)
      Claudio Cajado (BA)
      Efraim Filho (PB)
      Eli Corrêa Filho (SP)
      Elmar Nascimento (BA)
      Felipe Maia (RN)
      Francisco Floriano (RJ)
      Hélio Leite (PA)
      Jorge Tadeu Mudalen (SP)
      José Carlos Aleluia (BA)
      Juscelino Filho (MA)
      Mandetta (MS)
      Marcelo Aguiar (SP)
      Marcos Soares (RJ)
      Osmar Bertoldi (PR)
      Pauderney Avelino (AM)
      Paulo Azi (BA)
      Professora Dorinha Seabra Rezende (TO)
      Sóstenes Cavalcante (RJ)

      1. Não esqueça abancada do PT, onde TODOS votaram a favor:
        ADELMO CARNEIRO LEÃO
        AFONSO FLORENCE
        ANA PERUGINI
        ANDRES SANCHEZ
        ANGELIM
        ARLINDO CHINAGLIA
        ASSIS CARVALHO
        BENEDITA DA SILVA
        BETO FARO
        BOHN GASS
        CAETANO
        CARLOS ZARATTINI
        CHICO D’ANGELO
        DÉCIO LIMA
        ENIO VERRI
        ERIKA KOKAY
        GABRIEL GUIMARÃES
        GIVALDO VIEIRA
        HELDER SALOMÃO
        HENRIQUE FONTANA
        JOÃO DANIEL
        JORGE SOLLA
        JOSÉ AIRTON CIRILO
        JOSÉ GUIMARÃES
        JOSÉ MENTOR
        LEO DE BRITO
        LEONARDO MONTEIRO
        LUIZ COUTO
        LUIZ SÉRGIO
        LUIZIANNE LINS
        MARCO MAIA
        MARCON
        MARGARIDA SALOMÃO
        MARIA DO ROSÁRIO
        NELSON PELLEGRINO
        NILTO TATTO
        PADRE JOÃO
        PATRUS ANANIAS
        PAULÃO
        PAULO PIMENTA
        PAULO TEIXEIRA
        PEDRO UCZAI
        PEPE VARGAS
        REGINALDO LOPES
        RUBENS OTONI
        SÁGUAS MORAES
        VALMIR ASSUNÇÃO
        VALMIR PRASCIDELLI
        VANDER LOUBET
        VICENTE CANDIDO
        VICENTINHO
        WADIH DAMOUS
        WALDENOR PEREIRA
        ZÉ CARLOS
        ZÉ GERALDO
        ZECA DIRCEU
        ZECA DO PT