ACESSE

Crusoé: coronavoucher de Bolsonaro derruba mito do 'Nordeste lulista'

Telegram

Na edição de Crusoé que foi ao ar nesta sexta (7), André Spigariol mostra como o “coronavoucher”, o auxílio emergencial de R$ 600 pago pelo governo Bolsonaro, derruba o mito de que o Nordeste é um enclave seguro do lulopetismo.

“Depois que decidiu abrir o cofre e injetar dinheiro na base da pirâmide social, a partir da criação do auxílio emergencial de 600 reais, Bolsonaro viu crescer sua aprovação na região. No início do mês, tornou-se cinco pontos mais popular nos estados nordestinos entre as classes D e E, resultado que fez com que se estagnassem os números nacionais que vinham apontando para a deterioração de sua popularidade em razão da revolta de parte da população com a condução do combate ao coronavírus.”

“O presidente e seus auxiliares mais próximos entenderam (…) que se tratava de uma oportunidade de ouro não só para preservar a popularidade do governo como para aumentá-la, transformando o afago aos nordestinos numa catapulta para o projeto de reeleição de Bolsonaro em 2022. Daí a decisão de intensificar as viagens presidenciais ao Nordeste.”

LEIA AQUI a íntegra da reportagem.

Leia mais: Exclusivo: O 'blog' do Aras

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 38 comentários