Cunha com ‘saudade’ da imprensa

Eduardo Cunha disse aos jornalistas que, como a Justiça só o autorizou a falar após o interrogatório, ele não falará hoje.

O depoimento de Lúcio Funaro na Justiça Federal, suspenso hoje, será retomado na terça. Cunha deve ser ouvido só em 6/11. Mas já prometeu “desmentir tudo” –referindo-se às acusações de receber propina em esquema da Caixa.

“Estou com muita saudade de vocês [jornalistas]”, acrescentou o ex-deputado e ex-presidente da Câmara

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Ler mais 11 comentários
  1. Moro nao provou que a conta nao era um trust. Apenas reproduziu a acusação do mpf. Apesas sentenciou por vontade política.

  2. Estou aqui convalescendo no meu leito, com dores de cabeça remanescentes e sem poder tomar analgésico pra não irritar ainda mais os buchos, acessando com muita dificuldade O Antagonista, aguardando para prestigiar o Cunha, ouvir o que tem a dizer e certificar se a PF esta cumprindo suas atribuições, cuidando da rigidez e flexão necessárias à escolta de elite da corporação… Com essa noticia, neste momento de dor voltarei pra Marcela, minha companheira… Finalizo por hoje sem exclamação, boa noite

  3. Fora do assunto:
    “Sexta à Noite no Cinema” (40)
    Filme sugerido:
    ‘A Última Sessão de Cinema’
    (The Last Picture Show)
    Direção: Peter Bogdanovich / Ano: 1971

  4. Será, sem dúvida, interessante. Muito interessante. Extremamente interessante. Garanto que Funaro, Janot, Joesley Safadão e outros também o acharão.

    1. Moro nao provou que a conta nao era um trust. Apenas reproduziu a acusação do mpf. Apesas sentenciou por vontade política.

Os comentários para essa notícia foram encerrados.