ACESSE

'Cunha continuará preso', diz advogado

Telegram

O advogado de Eduardo Cunha, Ticiano Figueiredo, disse que mesmo que a Segunda Turma do STF acolha o pedido de liberdade que está em julgamento neste momento, seu cliente continuará preso.

Além de ter sido condenado por Sérgio Moro — o caso em questão –, o deputado cassado também tem contra ele mandados de prisão expedidos pela Justiça Federal do Distrito Federal e do Rio Grande do Norte.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 4 comentários