Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Cunha diz que votou PEC da Bengala para impedir novas indicações do PT para o Supremo

Emenda constitucional que ampliou mandato de ministros do Supremo foi previamente discutida com o então presidente da Câmara
Cunha diz que votou PEC da Bengala para impedir novas indicações do PT para o Supremo
Arte: Joelto Mata

Eduardo Cunha afirmou hoje, em entrevista ao Papo Antagonista, que a aprovação da PEC da Bengala, com apoio do Supremo, teve “motivação política”.

O texto ampliou para 75 anos a idade de aposentadoria dos integrantes do STF. Questionado sobre as reuniões realizadas com ministros, como Ricardo Lewandowski, Cunha disse: “O objetivo era evitar que o PT nomeasse novos ministros.”

O ex-presidente da Câmara afirmou que, à época, os cotados às vagas eram Rodrigo Janot, responsável pela denúncia que o afastou do cargo, além de José Eduardo Cardozo e Eugenio Aragão.

Leia mais: Assine a Crusoé, a publicação que fiscaliza TODOS os poderes da República.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO