Cunha, o insaciável

Pensava-se até hoje que Eduardo Cunha se achava “merecedor” de 5 milhões de dólares de propina por um único navio-sonda. Agora se sabe que o seu esquema teria levado, só nesse contrato, três vezes mais: 15 milhões de dólares.

O Antagonista explicará tudo.