ACESSE

Cunhado de Marcelo Odebrecht enviou US$ 8 milhões para Suíça

Telegram

Em aditamento a uma denúncia oferecida em agosto no âmbito da Lava Jato, o Ministério Público Federal expôs operações de lavagem de dinheiro e uso de conta não declarada na Suíça que têm como protagonista Maurício Ferro, cunhado de Marcelo Odebrecht.

Diz Lauro Jardim:

“O material incluído nos autos revela que em fevereiro de 2013 Maurício Ferro determinou aos responsáveis pelo departamento de propina da Odebrecht que enviassem US$ 8 milhões para uma conta de sua propriedade, aberta no banco suíço Sys.

Quando o depósito foi feito Ferro era executivo da Braskem. O dinheiro seria justamente o seu bônus por operações ilícitas feitas pela Braskem.”

Exclusivo: os grampos da farra de Joesley Batista com os poderosos. CONFIRA

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 8 comentários