“CUT terceirizou o trabalho sujo contra o Brasil na OIT”

Um observador da sessão de hoje na OIT — aquela entidade irrelevante que aceitou a vigarice de incluir o Brasil na sua lista suja, por causa da reforma trabalhista — fez o seguinte resumo para O Antagonista:

“A CUT, que atualmente preside a Confederação Sindical Internacional, baixou o tom contra o Brasil durante a sessão que examinou o caso brasileiro na Comissão de Aplicação de Normas da OIT.

Mas não porque a CUT tenha ficado boazinha de repente. Ela se escondeu atrás de diversos sindicatos de trabalhadores de países sul-americanos, para bater no governo brasileiro. Ou seja, a CUT que é contra a lei da terceirização, acabou terceirizando o trabalho sujo contra o Brasil.”

Leia um dos posts que publicamos sobre o assunto:

Como a CUT uniu vigarice ideológica e politicalha para colocar o Brasil na lista suja da OIT

 

Temas relacionados:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. Francisco Aguiar disse:

    Ora, a oit é notório bordel do $indicalismo global (ou "grobau"?), logo não surpreende que se "sensibilize" com demandas deletérias da bandidagem pelega brasileira. Viva a delinquência internacionalista!

Ler comentários
  1. Arqueiro trapalhão disse:

    Toda vez que a gente ouve esses esquerdalhas aprontando esquerdices, Bolsonaro cresce mais ainda no conceito da população e deve, nesse ritmo, vencer no primeiro turno!

  2. Ramiro disse:

    Mas o FAchim quer voltar com o imposto sindical para esses sindicalistas que se são capazes de vender o pais, seriam capazes de vender a mãe!

  3. José Antonio Debon disse:

    A reforma é um avanço também no sentido de obrigar os verdadeiros sindicalistas a trabalhares em favos dos seus representados e nquanto que a maioria apenas mamava na grana fácil do imposto sindical ou será porque já existem 17 mil sindicatos no Brasil e milhares de pedidos de registro no MT. Essa gente que esta perdendo essa boquinha é que foi reclamar na esquerdista OIT.

  4. Francisco José disse:

    Não sou cutista e nem petista, mas concordar com essa reforma trabalhista é um reconhecimento de burrice e idiotice.

  5. cris disse:

    Essa Cut é realmente um nojo. Que esse imposto nefasto não volte nunca mais a vigorar, nem com esse nome nem com outro qualquer. Quem quiser ser sindicalizado que o faça espontaneamente. Parabéns ao ministro do Trabalho que deu um belo passa fora na OIT. O Brasil TEM que sair dessa entidade que só serve para emporcalhar o nome do nosso país.

  6. Ratalhada vermelha. disse:

    Tiro no meio dos olhos desses vagabundo , rato a gente extermínia!!