Dados da Coronavac sobre casos graves não têm significância estatística, admite Butantan

Dados da Coronavac sobre casos graves não têm significância estatística, admite Butantan
Reprodução/Governo do Estado de São Paulo/YouTube

Os dados do ensaio clínico da Coronavac sobre casos graves ainda não têm significância estatística, admitiu nesta terça (12) Ricardo Palacios, diretor médico de pesquisa clínica do Butantan.

Nenhum dos participantes do grupo vacinado e sete participantes do grupo placebo apresentaram, é, precisaram de hospitalização. Esse é um dado ainda pequeno. Ele ainda não tem significância estatística, embora está (sic) demonstrando uma tendência que precisaremos mais tempo e estudo, seguem em curso, para acompanhar essa tendência, se ela se confirma”, disse Palacios.

Reprodução/Governo do Estado de São Paulo/YouTube
Na última quinta (7), João Doria disse, ainda sem mostrar dados, que a eficácia da Coronovac teria sido de 100% na redução de casos graves da doença.

Leia mais: Enquanto dezenas de países do mundo já iniciaram a vacinação contra a Covid-19, o Brasil patina entre duas vacinas.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO