Dallagnol fala sobre saída de Carlos Fernando

Deltan Dallagnol comentou em seu Twitter a saída de Carlos Fernando dos Santos Lima, que está para se aposentar, da força-tarefa da Lava Jato em Curitiba.

“Como um dos maiores especialistas em compliance e acordos de colaboração e leniência, Carlos Fernando seguirá construindo um país com menos corrupção e mais justiça social em outras frentes”, escreveu o procurador sobre seu colega.

“A força-tarefa seguirá trabalhando duro na Lava Jato para servir e defender a sociedade”, acrescentou Dallagnol.

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 22 comentários
    1. É verdade, Luiz. Esses grandes homens e mulheres que atuam na Lava Jato são seres abençoados, guerreiros/guerreiras de luz aqui na Terra. Merecem todo o nosso respeito, admiração e gratidão.

  1. Agora só POLITICAGEM para evitar as REFORMAS e substituir a classe política atual. Até hoje não entendi porque MPF blinda e NUNCA denunciou DILMA PASADENA com tantas Delações, Provas e Indícios

  2. LAVAJATO começou bem principalmente pelo papel do Juiz Sergio Moro que é apartidário. Mas ACABOU no momento que a JBS pagou PROPINA para Marcelo Muller e Rodrigo Janot realizarem uma Conspiração

  3. Lembrando Sir Winston Churchill á famosa frase: “Sangue ,Suor e Lágrimas”,foi o que fizeram todos os partícipes da Lava Jato e com destaque o Dr. Carlos Fernando dos Santos Lima. Parabéns .

  4. Sentiremos muito a falta do procurador Carlos Fernando por sua enorme inteligência, coragem, senso de justiça, força de trabalho, criatividade, honestidade e respeito ao contribuinte e a lei.