ACESSE

Datafolha: Haddad cresce entre os mais ricos, mas tem maior rejeição

Telegram

Jair Bolsonaro continua liderando a pesquisa Datafolha em todas as regiões do país, menos no Nordeste, onde Fernando Haddad vence por 56% a 30%.

O poste de Lula ganhou sete pontos na região Norte e quatro na Sul, suas maiores subidas. No Sudeste, o presidenciável do PSL mantém sólida vantagem (53% a 31%); no Sul e no Centro-Oeste, Bolsonaro tem quase 60% dos votos totais.

O petista cresceu oito pontos entre os mais ricos –que ganham acima de dez salários mínimos–, mas segue perdendo para o deputado por 61% a 32%. Entre os mais pobres (até dois salários mínimos), Haddad vence por 47% a 37%.

No eleitorado masculino, Bolsonaro bate Haddad por 20 pontos: 55% a 35%. Entre as mulheres, há empate técnico: 42% a 41%.

A rejeição a ambos permanece alta. A de Haddad continua sendo a maior, mas oscilou negativamente de 54% para 52%. A de Bolsonaro subiu três pontos (acima da margem de erro), de 41% para 44%.

O 1º turno foi animador, mas insuficiente para assegurar a continuidade da faxina contra a corrupção. Veja mais AQUI

Comentários

  • Éder -

    A única dúvida é o tamanho do erro do DATAFOLHA - será que será de 10 pontos, como no 1º turno?

  • José -

    Pois é... Atenção, afinal para se salvar e a seus integrantes, o sistema pode compra tudo... inclusive o Paraná Pesquisas. Já estão pondo o plano em execução, a troca da empresa para divulga

  • Caçador -

    Quem fez esta pesquisa foi aquela reporter da reportagem das fake news???? se a FOIA esta dizendo que a diferença é de 14%pode acreditar que esta no minimo em 20%. JORNALECO DE QUINTA

Ler 78 comentários