"De concreto, nada há"

Depois de seis semanas de vazamentos criminosos de suas mensagens, não surgiu nada que comprometesse Deltan Dallagnol.

Diz Eliane Cantanhêde:

“O CNMP concluiu que promotores e procuradores têm o direito de fazer palestras e dar cursos pagos, podendo doar ou simplesmente guardar o que recebem.

Logo, não é por aí que vão ‘pegar’ um dos símbolos da Lava Jato. Podem agastá-lo, podem desgastá-lo na opinião pública e no mundo jurídico, podem exigir explicações dia sim, dia não. Mas, por enquanto, isso se resume a um mar de constrangimentos e a um exercício: o da paciência. De concreto, que possa comprometer objetivamente sua atuação profissional, nada há.”

Comentários

  • Sandra -

    Acho muito difícil tudo isso desgasta-los perante ao povo, ao meu ver só os está enaltecendo.

  • mara -

    Moro e os procuradores só crescem perante a opinião publica. Agora Toffoli focou para proteger o travestido de jornalista que comete crimes de invasão de msg. Surreal !!!

  • Paulo -

    Não idolatrava Moro, porém agora sou Moro até morrer. Esse pessoal da Lava Jato comete pouquíssimos deslises que não são crimes. 99% são declarações de profissionais probos, de excelente caráter !!!!!

Ler 62 comentários