DE: GILMAR MENDES, PARA: JOSÉ SERRA

No dia 29 de julho, Dias Toffoli suspendeu duas investigações sobre José Serra e determinou que todo o material colhido pelos procuradores fosse lacrado e protegido de vazamentos.

A Crusoé descobriu que, entre os documentos que foram engavetados, há e-mails trocados entre José Serra e Gilmar Mendes, “que demonstram haver amizade íntima entre os dois”.

Gilmar Mendes, responsável por julgar os recursos de José Serra no STF, já beneficiou o senador duas vezes nas últimas semanas.

Assine a Crusoé e leia a reportagem completa (que envolve Augusto Aras e a demissão coletiva na Lava Jato de São Paulo).

Leia mais: CENSURA À IMPRENSA: O EXEMPLO QUE VEM DO SUPREMO
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO