Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

“Decisão de Rosa Weber não vai influenciar em votação”, diz Barros, sobre PEC do Calote

Lideranças do Centrão acreditam que o texto terá em torno de 320 votos no segundo turno, que está marcado para amanhã de manhã
“Decisão de Rosa Weber não vai influenciar em votação”, diz Barros, sobre PEC do Calote
Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado

O líder do governo na Câmara, Ricardo Barros (PP-PR), afirmou há pouco a O Antagonista que a decisão da ministra Rosa Weber, que mandou suspender “integral e imediatamente” a execução das chamadas “emendas de relator” no Orçamento de 2021, não irá influenciar na votação do segundo turno da PEC dos Precatórios.

Essas emendas fortalecem o Centrão e têm sido manejadas pela base governista, com o apoio do Planalto, às vésperas de votações importantes como o caso da PEC dos Precatórios. “Essa decisão não vai influenciar em nada. Tudo aquilo que tinha para ser executado, já foi pago. E nossa base de apoio não depende só disso”, afirmou Barros (foto).

Apesar disso, Lira e o governo estão pressionado o STF a revogar a decisão da ministra Rosa Weber.

Sobre o número de votos que o governo espera ter na votação em segundo turno, Barros foi taxativo. “O importante é que vamos aprová-la”.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....