ACESSE

A defensiva de Bolsonaro

Telegram

O Valor diz que Jair Bolsonaro “ficou na defensiva” no segundo turno.

“Com esquema de segurança semelhante ao de um chefe de Estado, não teve contato direto com simpatizantes, não tirou selfies, não houve multidões em aeroportos, nem as carreatas que cogitou depois da vitória no primeiro turno.”

E mais:

“O candidato evitou os debates – ou fugiu deles, como acusou o oponente petista -, comunicou-se por transmissões pela internet e escolheu a dedo os poucos veículos de imprensa a quem concedeu entrevistas.”

O 1º turno foi animador, mas insuficiente para assegurar a continuidade da faxina contra a corrupção. Veja mais AQUI

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 212 comentários