Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Defesa de agressor de Bolsonaro alega insanidade mental e pede exame

A defesa de Adelio Bispo de Oliveira, que tentou assassinar Jair Bolsonaro, acaba de protocolar um requerimento de exame para tentar comprovar “a insanidade mental” do cliente.

O pedido, como antecipamos ontem, foi entregue pelo advogado Zanone Manoel de Oliveira Junior na sede da Justiça Federal, em Juiz de Fora, segundo a Tribuna de Minas.

Segundo Zanone, seu cliente teria histórico de tratamento psiquiátrico. “Ele disse na audiência que fez tudo isso a mando de Deus. Tudo isso somado à vida nômade, virada, à monstruosidade, à brutalidade do ato do meu cliente”, disse.

O advogado, porém, não entregou nenhuma prova de um possível transtorno psicológico. Ele espera que o juiz autorize o exame oficial, que deve ser feito em 45 dias. Para a procuradora Zani Cajueiro, porém, Adélio demonstra “lucidez e coesão” em seu raciocínio.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO