Defesa quer fechar com Helibras contrato de 250 milhões de dólares sem licitação

Defesa quer fechar com Helibras contrato de 250 milhões de dólares sem licitação
(Rio de Janeiro - RJ, 07/03/2019) Palavras do Ministro da Defesa, Fernando Azevedo e Silva. Foto: Marcos Corrêa/PR

O Antagonista apurou que o Ministério da Defesa quer assinar com a Helibras contrato para o fornecimento de 15 helicópteros H135 com suporte logístico, no valor total estimado de US$ 250 milhões – mais de R$ 1,3 bilhão, na cotação de hoje.

As aeronaves seriam compradas sem concorrência e destinadas à Força Aérea.

Fontes militares dizem que o modelo não seria o melhor disponível no mercado, tanto do ponto de vista operacional como financeiro.

No governo Lula, o MD fechou contrato de 1,9 bilhão de euros para aquisição de 50 aeronaves EC-725 para as três Forças.

A promessa era de que o contrato salvaria a Helibras, até então uma empresa brasileira, e permitiria a tão sonhada transferência de tecnologia. Mas a Airbus adquiriu 85% da companhia, assim como seu controle – ficando responsável até hoje pela manutenção dos helicópteros, que têm alto custo operacional.

 

Leia mais: EXCLUSIVO: em vídeo, Marcelo Odebrecht explica o esforço da companhia para contar com os préstimos do “amigo do amigo de meu pai” -- como Toffoli era conhecido na empreiteira
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 40 comentários
TOPO