Delator diz que foi pressionado para apoiar financeiramente Temer

O advogado Francisco de Assis e Silva, delator da JBS, disse à PF que foi pressionado por José Yunes a fazer um acordo judicial para ajudar financeiramente Michel Temer, publica a Folha.

No depoimento, Silva alega que outro advogado, Paulo Lucon, propôs um acordo a ele e que Temer receberia uma parte dos honorários da causa.

“Em junho de 2015, Paulo Lucon propôs ao depoente para que colassem termo final em relação aos honorários de uma ação privada envolvendo a empresa Bertin, adquirida pela JBS, e a empresa Basf, na qual Paulo Lucon possuía honorários que, segundo ele, totalizavam R$ 60 milhões, ocasião em que o depoente informou para Lucon que de forma alguma teria interesse em realizar tal acordo uma vez que entendia que a causa seria ganha pela JBS”.

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. Que patético. Esse negócio de acusar uma pessoa dizendo que ouviu alguém falar, que alguém disse que alguém falou……já passou do ridículo. Apresentem as provas e aí acusem, se não: calem-se.

Ler mais 26 comentários
  1. Que patético. Esse negócio de acusar uma pessoa dizendo que ouviu alguém falar, que alguém disse que alguém falou……já passou do ridículo. Apresentem as provas e aí acusem, se não: calem-se.

  2. Olha que fofíssimo o que eu descobri agora: Paulo Lucon e Edgard são conterrâneos! De Mogimirim! Um abastece as contas de Temer e o outro administra em offshores! Não é fofo???

  3. Se os corruptos Geddel e Cunha abrisse a boca e delatasse o corrupto Temer e seus aliados corruptos a sociedade ficaria sabendo como funciona a corrupção dessa quadrilha que assalta cofres públicos, mesmo que turma da lava jato e maioria do judiciário federal continuasse com a blindagem.

  4. Que o Temer é corrupto até os mortos sabe só que a turma da lava jato do moro e do gebran neto passando pela turma do Félix Fischer e chegando a Fachin, Fux, Weber, gilmar, Alexandre de moraes, Cármen Lúcia, o Barroso também faz corpo mole com relação a investigar o corrupto Temer.

  5. FHC o velho golpista articula contra o alckmin só que esse velho safado não tem o poder de forçar nosso povo popular a votar no arrogante fascista João Dória (que bancando de honesto construiu mansão em terreno invadido lá em campos do Jordão) fora Dória, FHC e cambada de fascistas.

  6. E não é que o processo existe mesmo? E Lucin está lá? Como diz Rodrigo Janot: kkkkkkkkkk Rindo alto kkkkkkkkkkk
    .
    https://www.jusbrasil.com.br/diarios/97130000/djsp-judicial-1a-instancia-interior-parte-iii-04-08-2015-pg-1225?ref=serp

  7. 🎶O que a gente faz
    É por debaixo dos pano
    Prá ninguém saber
    É por debaixo dos pano
    Se eu ganho mais
    É por debaixo dos pano
    Ou se vou perder
    É por debaixo dos pano…(2x)
    🎶

  8. AGORA DA PARA ENTENDER O DESCONTENTAMENTO DE MINISTROS DO STF COM AS INVESTIGAÇÕES DA LAVAJATO DERIVOU PARA OUTRAS INVESTIGAÇÕES E ESTÁ PEGANDO OS LARÁPIOS POLÍTICOS E COLARINHOS BRANCOS…

  9. “AMIGOS DA LEI” de Temer! Todos bandidões de casaca! Controlam TODA a justiça de SP!
    .
    http://m.migalhas.com.br/pilulas/238092
    .
    http://m.migalhas.com.br/pilulas/231167
    .
    http://m.migalhas.com.br/pilulas/238393

  10. TODOS “amigos da lei” de Temer! MTB, Marin,
    Antonio C. Mendes, Antonio Corrêa Meyer, Américo Lacombe, Edgard Silveira Bueno, Eduardo Muylaert, Hélio Lobo Jr., Luiz de Camargo Aranha, Manuel Alceu Affonso, Mario Sergio Duarte Garcia, Paulo Alcides Amaral Salles, Paulo H.dos Santos Lucon, Roberto Rosa

  11. O Antagonista ainda não percebeu que depois da exposição do conluio entre os amigos Joesley Batista e Marcelo Miller e as suas denúncias pela PF, “delações” vindas da JBS não valem o papel em que estão escritas. Mais ainda, esta nota é patética tentativa de credibilizar o indefensável Rodrigo Janot.