Delcídio tratou do operador de Lula com ministro da Justiça

Delcídio Amaral procurou José Eduardo Cardozo para tratar do habeas corpus de Alexandrino Alencar, o operador da Odebrecht que pagava as despesas de Lula.

Num dos documentos recolhidos pela PF entre os pertences do chefe de gabinete de Delcídio Amaral consta a seguinte anotação:

“Falou JC – Zé Cardoso – reforçado HJ, SS – Sigmaringa Seixas – Entendem muito bem a situação, – Também está ocorrendo com os demais, – Empenhados em uma ação ampla”.

José Eduardo Cardozo, entrevistado por O Globo, confirmou que conversava regularmente com Delcídio Amaral e que, num desses encontros, o senador indagou sobre o operador da Odebrecht:

“Ele me perguntou se uma decisão do STF poderia repercutir em outras esferas do Judiciário. Era aquela decisão sobre o habeas corpus do Alexandrino, não me lembro qual”.

Faça o primeiro comentário