Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Delegado fará "apresentação" a chefe da PF; relatório conclui que Adélio agiu sozinho

Igor Gadelha, na Crusoé, informa que o delegado Rodrigo Morais — que foi chamado hoje a Brasília — fará uma “apresentação” ao novo chefe da PF, Rolando Alexandre de Souza, e ao ministro da Justiça, André Mendonça. O encontro será no fim da tarde, e o tema é a investigação sobre a facada de Adélio Bispo de Oliveira em Jair Bolsonaro.

Como Crusoé mostrou na semana passada, o delegado finalizou um relatório da apuração destinada a identificar possíveis mandantes do atentado contra Bolsonaro na campanha de 2018.

A conclusão é a mesma do primeiro relatório: não há, segundo ele e os demais policiais que trabalham no caso, qualquer elemento que indique a participação de outras pessoas, além de Adélio.

Leia mais aqui.

Leia também: Por que Bolsonaro quer a PF do Rio? (a tentativa 'escandalosa')
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO