Delegados de SP divulgam nota conjunta contra Segovia

Telegram

Os sindicatos dos delegados de polícia e da PF de São Paulo e a associação dos delegados de polícia do estado também não gostaram nada da entrevista de Fernando Segovia.

As entidades divulgaram nota conjunta defendendo o delegado que preside o inquérito dos portos, em que Michel Temer é investigado. O comunicado inclui os seguintes trechos:

“Qualquer espécie de ameaça às prerrogativas de um Delegado de Polícia, previstas na Constituição Federal, deve ser rechaçada imediatamente a fim de que se preserve a função fundamental desse agente público, que é a de buscar a verdade de forma incansável e legalista para que sua decisão seja a mais justa possível não só para o investigado como para toda a sociedade.”

E mais este:

“Nenhum dirigente de instituição policial deve tecer comentários públicos sobre uma investigação em andamento que não preside e, menos ainda, fazer ilações sem qualquer embasamento probatório para antever desfechos. É sem cabimento que, no momento em que vive este país, com um anseio cada vez mais profundo da população pela ética e transparência dos que comandam a nação, haja um posicionamento desse tipo do Diretor Geral da Polícia Federal.”

Ficou feio mesmo para o diretor-geral da PF.

Comentários

  • Brasileiro -

    Estamos de olho em suas manobras sujas. Bando de corruptos. Sua hora vai chegar. O povo cansou

  • Paulo -

    Esse Segovia tem que ser exonerado o qto antes... uma vergonha! E que responda na justiça já! Indicado por Sarney, queríamos o que?

  • wanderlei -

    É isso aí moçada! Não deem espaço para que o drácula e o pau mandado dele submetam a instituição com atos indignos e impróprios por comandantes que têm moral para ocuparem os altos postos que ocupam, seja diretor de entidade seja presidente da República.

Ler 86 comentários