ACESSE

DELGATTI DISSE TER MANDADO A MANUELA ÁUDIO ROUBADO DE PROCURADORES

Telegram

Segundo o depoimento de Walter Delgatti Neto à PF, lido agora há pouco pela GloboNews, Manuela D’Ávila –contatada pelo hacker– duvidou, num primeiro momento, da veracidade da afirmação de que ele tinha o material.

Então, sempre segundo o depoimento, Delgatti mandou à ex-deputada federal um áudio com uma conversa entre os procuradores Orlando Martello e Januário Paludo.

Dez minutos depois de o áudio ter sido enviado a Manuela, afirmou Delgatti, Glenn Greenwald entrou em contato com o hacker.

Leia, abaixo, o trecho do depoimento de Delgatti que trata do assunto (o nome de Manuela está escrito incorretamente, como “Manoela”, no original):

“QUE na manhã do Dia das Mães de 2019, ligou diretamente para MANOELA D’ÁVILA afirmando que possuía o acervo de conversas do MPF contendo irregularidades; QUE ligou para MANOELA D’ÁVILA diretamente da sua conta do TELEGRAM e disse que precisava do contato do jornalista GLENN GREENWALD; QUE a princípio MANOELA D’ÁVILA não estava acreditando no DECLARANTE, motivo pelo qual fez o envio para ela de uma gravação de áudio entre os procuradores da República ORLANDO e JANUÁRIO PALUDO; QUE no mesmo domingo do Dia das Mães, cerca de 10 minutos após ter enviado o áudio, recebeu uma mensagem no TELEGRAM do jornalista GLENN GREENWALD, que afirmou ter interesse no material, que possuiria interesse público; QUE começou a repassar para GLENN GREENWALD os conteúdos das contas de TELEGRAM que havia obtido.”

MORO EXCLUSIVO: "OBJETIVO ERA ANULAR CONDENAÇÕES DA LAVA JATO." Mais aqui

Comentários

  • Giovanni -

    Comunismo deveria ser crime, assim como o nazismo. E para sustentar-se também comete outros crimes.

  • CARLOS -

    Vagabunda é vagabunda até morrer.

  • Lidia -

    segue o baile... falar ao telefone é ou não entrar em contacto??

Ler 260 comentários