Denúncia contra líder do MBL "é uma piada", diz Kim Kataguiri

Denúncia contra líder do MBL “é uma piada”, diz Kim Kataguiri
Foto: Luis Macedo/Câmara dos Deputados

O deputado federal Kim Kataguiri (DEM-SP), um dos principais líderes do MBL, disse hoje que a denúncia apresentada pelo MP-SP contra Renan dos Santos e outras pessoas “é uma piada”.

“A denúncia contra o Renan é uma piada”, afirmou o deputado a O Antagonista. “A prova que o promotor apresenta para o tráfico de influência é um bloco de notas que eles apreenderam na casa do Alessander [Monaco] que tem o nome de várias pessoas. Tem o meu nome, tem o nome do Rodrigo Garcia, tem o nome do Fernando Henrique Cardoso, tem o nome do Luciano Huck e em nenhum momento aparece o nome do Renan. Cadê a influência política do Renan, para ele ter indicado o Alessander Monaco para um cargo no governo do Estado?”.

O deputado acrescentou: “E mais do que isso: esse é o promotor que mandou fazer aquela busca e apreensão, que citou os R$ 400 milhões de dívida das empresas da família do Renan, que pediu quebra de sigilo e tal, que a gente deu, do movimento, de cada um dos membros. Ele não achou absolutamente nada do que ele tinha investigado na parte inicial, que era lavagem de dinheiro por superchat né, os R$ 400 milhões, corrupção ativa, corrupção passiva, isso ele não achou absolutamente nada de nenhum dos coordenadores. Nenhuma prova de nada”.

“E aí, dos R$ 400 milhões, a denúncia se tornou tráfico de influência por um cargo comissionado no governo do Estado do qual a gente é oposição. Também não faz sentido a gente ter nomeado um cargo no governo Doria, que a gente é oposição ao governo Doria, todo mundo sabe disso, o Arthur [do Val, o Mamãe Falei], nosso deputado estadual, que faz oposição ao governo de forma muito veemente. Então é uma denúncia ridícula”.

Leia mais: Assine a Crusoé e apoie a o jornalismo independente.
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 39 comentários
TOPO