DENÚNCIA CONTRA TEMER VAI PARA A CÂMARA DE IMEDIATO

Edson Fachin decidiu enviar para a Câmara a denúncia de corrupção passiva contra Michel Temer, sem estabelecer o prazo para a defesa prévia do presidente no STF.

O ministro entendeu que a defesa política terá de preceder a defesa jurídica.

A denúncia será enviada para Rodrigo Maia pela presidente da corte, Cármen Lúcia.

Faça o primeiro comentário