Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Depois de queda do Lattes e incêndio na Cinemateca, GSI publica plano de gestão de riscos

Uma atribuição do comitê é "supervisionar o mapeamento e a avaliação dos riscos chaves que possam comprometer a prestação de serviços de interesse público"
Depois de queda do Lattes e incêndio na Cinemateca, GSI publica plano de gestão de riscos
Foto: Marcos Corrêa/PR

O Gabinete de Segurança Institucional (GSI) da Presidência publicou nesta sexta (30) seu plano de gestão de riscos.

O texto define como atribuição do comitê de riscos “supervisionar o mapeamento e a avaliação dos riscos chaves que possam comprometer a prestação de serviços de interesse público”.

Também está entre os objetivos do plano “[e]sclarecer o público alvo quanto aos objetivos da Segurança de Instalações e os benefícios decorrentes para todos”.

O documento publicado hoje também cita os objetivos do Plano Estratégico 2020-2025, publicado no ano passado. Entre eles, “[p]roporcionar soluções tecnológicas inovadoras, integradas, seguras e de alto desempenho”.

“A proposta deste Plano de Gestão de Riscos é apresentar a todos os servidores, em especial gestores da Alta Administração, a consolidação das orientações e diretrizes para efetivação da política de Gestão de Riscos em curso no GSI/PR”, escreve o ministro Augusto Heleno, no texto publicado no Diário Oficial.

Desde sábado (24), a plataforma Lattes está fora do ar. O Ministério da Ciência e Tecnologia, chefiado pelo também militar da reserva Marcos Pontes, ainda não informou exatamente o que aconteceu.

Ontem (29), a Cinemateca Brasileira, vinculada ao Ministério do Turismo, pegou fogo.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO