Deputada petista ataca Bolsonaro: "Não é nenhum líder nem muito menos um mito"

Telegram

O PT divulgou um texto assinado pela deputada federal Benedita da Silva, do Rio de Janeiro, com diversos ataques a Jair Bolsonaro.

Leiam este trecho:

“O candidato do fascismo pretende agora inaugurar uma nova fase, a do racismo oficialmente assumido, o racismo de Estado. O que sempre se fazia no âmbito das relações privadas ou nas ações policiais costumeiras, mas se negava oficialmente, se pretende que seja assumida publicamente; o racismo sem medo do voto em Bolsonaro. Ele não é candidato para presidente de todos os brasileiros, mas para agir como o ‘capitão do mato’ do povo negro e pobre.”

E mais:

“Individualmente, Bolsonaro não passaria de mais um boçal racista e misógino se não tivesse sido transformado em porta-voz de uma parte da população brasileira que sempre foi racista, misógina e profundamente reacionária. Ele não é nenhum líder nem muito menos um ‘mito’, mas apenas um instrumento de setores poderosos em cassar Lula, esmagar a democracia e as esquerdas e extinguir qualquer política de igualdade social. É um fascista disposto a transformar o Brasil em neocolônia americana e numa presa indefesa do capitalismo mais selvagem e predador.”

Benedita governou o Rio de Janeiro e foi ministra de Desenvolvimento Social no primeiro governo Lula.

Comentários

  • Wagner -

    Xinga mais anta, a t-r-a-s-t-e nem sabe falar, o dinheiro roubado no triste governo desta não lhe fez capaz de dominar a gramática, o português e o discurso. Fora comunistas, vocês destruíram o suficiente esta Nação, canalhas de toda espécie.

  • A -

    Governou o Rio ? Colocou um dirigível no ar, para vigiar bandidos do alto... Até hoje pagamos as folhas de pagamento do Estado que ela deixou para a Rosinha que só conseguiu pagar aumento o ICMS de 21% para 25%

  • Anderson -

    Mulher idiota. Bolsonaro está apenas defendendo a constituição. Perante a constituição somos todos iguais. Também não escravidão ninguém.

Ler 319 comentários