Deputado cobra AGU sobre interpelações contra críticos de Ricardo Salles

Deputado cobra AGU sobre interpelações contra críticos de Ricardo Salles
Foto: Luis Macedo/Câmara dos Deputados

O deputado federal Enio Verri, líder do PT na Câmara, protocolou na quarta-feira (25) requerimento de informação cobrando do Advogado-Geral da União, José Levi Mello do Amaral Júnior, explicações sobre o uso da estrutura da AGU na defesa de Ricardo Salles.

Verri se baseou em reportagem do UOL, publicada nesta terça (24), que mostrou que a AGU foi usada para representar o ministro de Bolsonaro em interpelações judiciais contra dois cientistas e dois jornalistas que fizeram críticas ou publicaram notícias sobre a administração de Salles no Ministério do Meio Ambiente.

A reportagem mostrou que foram interpelados judicialmente o coordenador do Observatório do Clima, Márcio Astrini; o pesquisador do Centro de Ciência do Sistema Terrestre do Inpe, Antônio Donato Nobre; e os jornalistas André Borges, do Estadão, e Cedê Silva, de O Antagonista.

O deputado pediu cópia integral dos pedidos de representação.

“Precisamos ter certeza de que a advocacia pública não tenha sido utilizada indevidamente para interesse particular do atual Ministro do Meio Ambiente e ainda, de forma mais grave com sugerido pela reportagem [do UOL], utilizar uma nobre instituição da República para silenciar críticos e opositores ao Governo”, escreveu o deputado.

Leia mais: Assine a Crusoé, a publicação que fiscaliza TODOS os poderes da República.
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 10 comentários
TOPO