Deputado propõe fim da intermediação do etanol

Telegram

Mendonça Filho, que deixou o Ministério da Educação e voltou à Câmara para se candidatar em outubro, apresentou um projeto de lei que libera a venda direta do etanol hidratado das usinas para os postos de combustíveis.

“Não faz sentido a legislação brasileira obrigar intermediação das distribuidoras, que hoje detém o monopólio da compra e venda do álcool”, disse o deputado.

Segundo ele, a medida poderá representar uma redução de até 10% do preço final.

Comentários

  • wanderlei -

    Eis uma sugestão inteligente. Tomara vire realidade.

  • Sackful -

    Redução de até 10%? Ele quer ficar com 40%? As usinas vendem o litro de etanol para as distribuidoras por menos da metade do que os postos cobram... Tem alguém errando nas contas...

  • José -

    Pode até funcionar em locais próximos das usinas de álcool.

Ler 45 comentários