Deputado do provolone na cueca vai para casa

O juiz Fernando Messere, do Tribunal de Justiça do DF, autorizou o deputado-presidiário Celso Jacob, do MDB-RJ, a cumprir sua pena em regime aberto –ou seja, em casa.

Jacob foi condenado a 7 anos e 2 meses de prisão, no semiaberto, por falsificação de documento público e dispensa de licitação fora das hipóteses previstas em lei quando era prefeito de Três Rios.

Condenado pelo STF e preso pela PF em junho do ano passado, Jacob trabalhava na Câmara durante o dia e dormia na cadeia à noite, até o TJ-DF revogar esse direito. Hoje, ele está afastado do mandato.

Em novembro do ano passado, o jornal carioca O Dia registrou que Jacob tinha tentado entrar na Papuda com um queijo provolone e dois pacotes de biscoitos na cueca.

Comentários

  • Marcos -

    Alguém com dignidade e honra que por acaso encontrar este lixo na rua, cuspa na cara, o mínimo quese pode fazer.

  • Thiago -

    Ele havia tentado entrar na Papuda com um queijo provolone e dois pacotes de biscoitos na cueca. Estava enfiado no c u?? Como o cara consegue colocar um provolone e dois pacotes de biscoito na cueca???????????? Certeza que ele enfiou no cu e descobriram porque ficou um pedaço do provolone para fora...hahahahahahahahahahaha. Seria ainda mais engraçado se o Brasil não fosse uma TRAGÉDIA.

  • Fedorento -

    Conheço gente que gosta de queijo com sabor de sebo e cheiro de murrinha. RsRsRsRs.

Ler 8 comentários