Deputados no trio

Paulo Pimenta, Wadih Damous e Maria do Rosário colocaram o “exército” do MST para “marchar” na quente e seca Brasília, mas vão ao TSE em cima de um carro de som.

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 24 comentários
  1. Gente , eu vejo isso como um trabalho normal como qq outro , eles estão lá pq estão sendo devidamente pagos !!, aguardem para ver se vão ter mais dinheiro kkkk BOLSONARO vai acabar com a brindeira

  2. Esperar o quê da gangue que deu a maior prova de machismo da história do Brasil: se o presidiário for solto, a única mulher da chapa será excluída restando o candidato e o vice indicado pelo PT.

  3. Geraldo lulalau ORCRIMin, Geraldo ORCRIM ORCRIMin, Geraldo rodoanel ORCRIMin, Geraldo paulo preto ORCRIMin, Geraldo cunhado ORCRIMin, Geraldo beiçola ORCRIMin, Geraldo centrão da corrupção ORCRIMin,