Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Deputados pedem ao Planalto informações sobre reuniões com Aprosoja e Zé Trovão

Encontros realizados em agosto com pessoas hoje investigadas foram registrados em agenda da secretária de Articulação Social da Segov
Deputados pedem ao Planalto informações sobre reuniões com Aprosoja e Zé Trovão
Foto: José Cruz/Agência Brasil

A Comissão de Fiscalização Financeira da Câmara aprovou na manhã desta quarta (15) um requerimento que pede informações à Secretaria de Governo sobre a realização de duas reuniões no Palácio do Planalto com investigados por organizar manifestações antidemocráticas em 7 de setembro.

As duas reuniões ocorreram em agosto.

O requerimento, de autoria do deputado federal Leo de Brito (PT-AC), cita uma reportagem do UOL publicada no fim de agosto.

As audiências aconteceram na Secretaria Especial de Articulação Social, no quarto andar do Planalto. Ambos os encontros estão registrados na agenda da secretária de Articulação Social, Gabriele Araújo, nos dias 10 e 11 de agosto.

A primeira reunião, no dia 10, aparece na agenda de Gabriele Araújo com a pauta “Movimento Brasil Verde e Amarelo”. É um grupo formado por sindicatos e associações rurais que convocou, no fim de maio, uma manifestação em apoio a Bolsonaro em Brasília.

Naquele dia, Araújo recebeu Antonio Galvan, presidente da Aprosoja Brasil (Associação Brasileira dos Produtores de Soja) e um dos investigados no Supremo.

Na segunda reunião, no dia 11, a secretária Gabriele Araújo recebeu outros três ativistas que seriam alvo da Polícia Federal dias depois: Turíbio Torres, Juliano Martins e Marcos Antônio Pereira, conhecido como Zé Trovão. Os três, segundo a agenda, estavam acompanhados de Rafael Dal Bó, chefe de gabinete do deputado federal Nelson Barbudo (PSL-MT).

O requerimento de Leo de Brito, aprovado hoje pelos deputados, pergunta: “Quais os motivos da realização dessas reuniões com esses grupos ruralistas junto à Secretaria Especial de Articulação Social? (ii) Do que se trata o [M]ovimento Brasil Verde e Amarelo? (iii) Qual o teor da pauta solicitada pelos representantes desses grupos ruralistas à Presidência?”.

A comissão também aprovou outro requerimento, que pede informações “sobre os gastos do Presidente Jair Bolsonaro durante os atos políticos que foram realizados no dia 7 de setembro em Brasília-DF e São Paulo-SP”.

Leia mais:

Sócio de empresa com caminhões em ato pró-Bolsonaro é diretor da Aprosoja

Urgente: Moraes determina buscas na Aprosoja e bloqueia contas

PF recebe ordem para incluir Zé Trovão na lista vermelha da Interpol

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO