ACESSE

Deputados usam verba de gabinete para lucrar no YouTube

Telegram

Reportagem do Estadão mostra que deputados governistas e da oposição usam dinheiro da cota parlamentar para gerir canais monetizados no Youtube.

O jornal identificou ao menos sete parlamentares que estão ganhando dinheiro dessa forma: Carla Zambelli (PSL) , Joice Hasselmann (PSL), Gleisi Hoffmann (PT), Bia Kicis (PSL), Otoni de Paula (PSC), Paulo Pimenta (PT) e Flordelis (PSD-RJ).

Em junho, Zambelli, “gastou R$ 4 mil da cota parlamentar com uma firma que trabalha na edição do conteúdo que posta. O alcance dos vídeos gerou a Carla R$ 23.702, dos quais diz ter recebido já R$ 15,1 mil do YouTube”.

Leia mais: Comprovação do elo entre a Presidência da República e o gabinete do ódio complica Bolsonaro. Clique e leia

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 63 comentários