Desmatamento da Amazônia em março é o maior dos últimos seis anos

Desmatamento da Amazônia em março é o maior dos últimos seis anos
Foto: José Cruz Agência Brasil

O desmatamento mensal na Amazônia voltou a crescer em março e bateu o recorde para o mês, desde que passou a funcionar o sistema de monitoramento de desmate do Inpe, o Deter.

O programa tem a função de auxiliar órgãos de fiscalização ambiental em ações de combate a crimes.

Os dados do Inpe, atualizados nesta sexta (9), apontam 367,61 km² de desmatamento. O recorde anterior pertencia a 2018, com 356,6 km² destruídos.

A destruição da floresta em março teve crescimento de 12,6% em relação a março de 2020.

Historicamente, os próximos meses tendem a ter números maiores de desmatamento, com a aproximação da temporada seca na floresta.

Leia mais: Assine a Crusoé, a publicação que fiscaliza TODOS os poderes da República.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO