Desvio do Mais Médicos para ditadura cubana pode ser maior

O Mais Médicos lançado em 2013 por Dilma Roussef – e mantido por Michel Temer – é apenas a fachada visível de mais um golpe do PT para assaltar os cofres públicos.

Ao pagar 75% do Mais Médicos para a ditadura cubana, o governo confirma na prática que o programa não se destina a melhorar as condições de atendimento de saúde do brasileiro.

O roubo, aliás, pode ser maior.

É que os cubanos, enquanto estão no Brasil, só recebem 40% daqueles 25% a que têm direito. A ditadura dos Castro diz que paga os 60% restantes numa conta bancária em Cuba, mas não há meios de controle desses pagamentos.

26 comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200

  1. Onde estava o MP a PGR e outros quando assinaram esse contrato? Nada fizeram e nada farão. O Brasil está à deriva. Não temos um vislumbre do que nos espera, certamente, não vai ser bom. Enquanto prosperar essa cambada de anencéfalos guiados por meia dúzia de bandidos o país será isso. Aqui nem as leis da física são respeitadas. Pobre Brasil!!!

  2. Lula preso amanhã.
    Temer já caiu.
    Temer enfraquecido.
    Dólar a R$ 6,00.
    Hillary Clinton eleita presidente.
    Seguro Catástrofe.
    Já que nada deu certo, comprem Bitcoin! => Dez por cento de tombo hoje!

  3. O Mais Medico foi um dos raros abertos do PT. Os cubanos são excelentes profissionais, humildes e comprometidos.
    Eles tocam no paciente. O médico brasileiro, em regra, tem nojo de pobre e pensa somente em ficar rico e famoso. Não querem perder tempo no interior do pais ou em periferias. Nem sonham em retribuir o ensino gratuito das universidades federais a que tiveram acesso. Bancado pelo imposto dos pobres.
    A população carente teve médico pela primeira vez na história desse país. As pessoas desassistidas ficaram emocionadas com a atitude dos cubanos.
    Os médicos não vêm problema em enviar parte de suas remunerações a Cuba. Pensam socialmente. Mesmo nessas condicoes, conseguem comprar uma casa em 3 anos dectrabalho.
    Uma grande amiga cuidou da ambientação de um grupo de médicos. São pessoas muito especiais.
    Acho que, dessa vez, vocês deram uma bola fora….rs

  4. Essa é mais uma das picaretagens do Período da Trevas, todo brasileiro de bom senso cantou a pedra desde o início.É por essas e outras que defendo o parlamentarismo. Esse presidencialismo dá muito poder a uma só pessoa ou um só partido. Quando colocaram como sigilo toda verba para esses paises comunistas era previsível que havia mutretagem. Agora está sendo jogado alguma luz sobre as trevas.

  5. E tinha quem achava que o dinheiro mandado para Cuba era para as famílias dos médicos? Se fossem livres, eles mesmos mandariam o dindim. E tinha quem achava que era só pro governo cubano? Sem taxas de reserva para os mandatários governistas brasileiros? Ora, ora! A vaquinha era comunista: porções iguais para todos, só que mais para uns do que para outros.

  6. Não precisa ter dó dos médicos cubanos. Eles sabem muito bem a que vieram. É a maior infiltração de agentes comunistas que se tem notícia na história. Estas camaradas levantam todas as aspirações das pessoas no interior do nosso Brasil. É um crime hediondo que foi instalado no país pelo PT. Estes médicos devem ser deportados. Bolsonaro vai fazer isso!

  7. Eu trabalhei na assessoria internacional do Ministério da Saúde quando chegou o pessoal que implementou os Mais Médicos (felizmente saí um mês depois, ainda em 2012, antes de fazerem o que fizeram). Observações: 1) tradicionalmente a assessoria internacional era chefiada por um diplomata. Essas pessoas foram egressas do Planlto (a começar pelo sr. Alberto Kleiman); 2) o mesmíssimo Alberto Kleiman, de acordo com o Linkedin, é o atual Diretor de Relações Externas, Parceirias e Mobilização de Recursos na Organização Pan Americana de Saúde, ligada à OMS. https://www.linkedin.com/in/alberto-kleiman-237ba321

  8. Da merreca que toxa pra eles (40%), só recebem uma partezinha ainda mais merreca. E a esquerdalha comemora! Claro, isso mantém os privilégios da comunistada da ilha, que se mantém às custas da exploração do trabalho alheio (dos cubanos e NOSSO, dinheiro dos impostos que nos arrancam aqui).

  9. Além de ajudar o regime comunista, o governo petista permitiu eles serem escravizados. Eles são escravos do poder de Cuba que seguraram as suas famílias com ameaças. Cadê os direitos dos manos e a FFAA que deixou isto rolar pois tinham Ministro da Defesa também comunista. Que vergonha seus generais.

  10. O Ratão e Janete Iolanda sem dúvida têm uma granona, ou parte dela, guardada lá na ilha dos facínoras. Daqui a pouco, mandam-se pra lá e vivem o resto de suas imundas vidas lá, como nababos. Sempre haverá desculpas para se mandarem pra lá. E ainda seremos execrados, por odiá-los e desprezá-los.