Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

"Diante do maior desastre da história, o presidente revelou-se um pequeno homem"

“Diante do maior desastre da história, o presidente revelou-se um pequeno homem”
Bolsonaro defende o medicamento mais uma vez

“A CPI da Covid deixou o Planalto mais surrealista do que o habitual”, diz Josias de Souza.

“Deseja-se que a Esplanada dos Ministérios se vire para explicar o negacionismo de Bolsonaro (…). 

Em janeiro, atingiu-se o ápice da insanidade. O governo enviou 120 mil comprimidos de cloroquina para o Amazonas, estado onde os pacientes morriam de falta de oxigênio. Em março, Bolsonaro moveu ação no Supremo pedindo a suspensão de medidas de isolamento baixadas pelos governos da Bahia, Rio Grande do Sul e Distrito Federal.”

O colunista conclui:

“Bolsonaro é quem mais desmoraliza o governo Bolsonaro. Diante do maior desastre da história, o presidente revelou-se um pequeno homem.”

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO