Dilma defende Maduro

Dilma Rousseff, durante seu discurso de uma hora e vinte minutos, defendeu a ditadura de Nicolás Maduro.

Ela disse, segundo o Estadão:

“Tem de ser extremamente ignorante para acreditar que uma oposição da Venezuela vai entrar nisso de boazinha. Se tiver apoio dos Estados Unidos, será uma carnificina. Ficar dizendo como o Maduro é um ditador sanguinário é nos chamar de imbecis.”

79 comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200

  1. Não é questão de chamá-los de imbecis, eles simplesmente os são. Verdadeiros jumentos em matéria de inteligência. Em especial essa cidadã que atende pelo nome de Dilma. Uma mentecapta, uma catástrofe ambulante.

  2. Como um bando de jornalistas se submete aos futuros carrascos da liberdade de imprensa é uma pergunta sem resposta.
    NA VERDADE A RESPOSTA EXISTE: FORAM DOUTRINADOS NA FACULDADE PARA SEREM CEGOS AO ÓBVIO E ULULANTE! Até porque, como são os protetores do sistema VERMELHO, não seriam atingidos no expurgo. E passariam a receber GENEROSAS CONTRIBUIÇÕES PELO TRABALHO SUJO!

  3. Nessas poucas palavras Dilmistas, percebe-se do que os militares nos salvaram no Brasil. Para tanto, por assimetria de narrativas, é bom conceber que para todos os ditos “revolucionários democráticos” da época do Regime Militar, a famigerada “ditadura” apenas ocorre quando não partícipe da ideologia marxista, de uma “Ditadura do Proletariado”. Quando o regime de botinas e balas é feito às ordens de um grupo revolucionário de extrema-esquerda equivale à Democracia plena e livre de repressões às liberdades individuais. Perguntem à Iolanda sobre o militar Mário Kozel Filho (ou sobre seus pedaços destroçados e uma mãe que jamais conseguiu enterrar o seu filho). Eis a mentira escrachada da esquerda – toda oposição ao Maduro, recebida com repressão, sangue e ranger de dentes tem exatamente o justo. Afinal, todo “burguês”, mesmo que seja miserável, todo “branco”, mesmo que seja mestiço, toda a “elite”, mesmo que seja um grupo de farrapos humanos, merecem o rigor da misericórdia revolucionária que promete a paz e a prosperidade a toda Terra. Percebam que as definições não são mais objetivas, mas assumem apenas o significado que eles quiserem dar para justificarem suas atrocidades. Ao Chávez saudoso por essa esquerda assassina já foi dito algo que agora serve à Dilma, em bom e sonoro “Castellano” -Por qué no te callas?

    1. É uma pena mas os militares deixaram o discurso de vitoriosos para os bandidos terroristas. Esse é um fato inexorável. Pinochet fez o serviço completo. Pagou o preço mas o Chile será a primeira nação sul-americana desenvolvida. Já os militares do cone sul…

  4. Para quem saudou a mandioca, ensacou vento, confundiu tubo de pasta dental com dentifrício, chamou barco de fibra de vidro de barco de fibra óptica, assassinou a matemática quando disse que 13 menos 7 é igual a 4 e etc e etc e etc, achar que maduro não é um ditador sanguinário é pouco.
    Aliás, até ofende o coitado do maduro.

  5. Chamar a cérebro de galinha de imbecil é elogio. Tivesse eu pudê de decisão a pena desses esquerdopatas seria prisão eterna na Venezuela ou Coréia do Norte, mas como povo , não como amigos dos dirigentes psicopatas assassinos.Ah, e o Chicão velho de guerra , quando o Lula for em cana devia sem mudar para um lugar belo assim, não para Paris. Asco!

  6. A imbecil criminosa/mentirosa pensa que é demais considerá-la uma imbecil. efende um ditadoe assassino é quer que as pessoas imaginem que o ra.bo balança o cachorro. Petralha é mesmo lixo.

  7. Muda pra lá então! E leve todos os petistas, artistas de esquerda, e etc. Lá não é o paraíso? Vai pegar fila de horas pra pegar comida racionada e levar tiro da polícia porque não se pode reclamar…

  8. Mais importante que ler tal absurdo é ter em mente que temos que fazer nossa parte e ajudar a evitar que esta cidadã se eleja senadora ou algo do tipo para as próximas eleições. Seu retorno à política só vai representar o atraso. Fiquem de olho

  9. O que me espanta é ter plateia para ouvir essa bost@gem. Pergunte ao povo venezuelano o que acham do Maduro, Dilma. Quem sofre as consequências das atrocidades dele deve ser ouvido. Converse com os refugiados que estão invadindo o território brasileiro para fugir da fome.

  10. Mentirosa do c*, bandida safada; essa raça de marginais ensinou a várias gerações que “o golpe de 64 foi patrocinado pelos EUA”, contando para isso com a cumplicidade de toda a classe jornalística e dos professores retardados. Cliquem no google “Ladislav Bittman” e depois em qualquer link.

  11. Escutar essa imbecil por mais de uma hora é dose para paquiderme nenhum botar defeito. Como é que se aguenta uma estúpida que não fala nada com nada por todo esse tempo?
    Só idiota, sádico, esquizofrênico, louco que participa de um evento desses.

  12. Vida longa a anta terrorista. A estulta é a prova cabal de nossa índole bananeira. Jamais em tempo algum, país aspirante a desenvolvido de fato teria em sua história, elegido um escárnio em plena era das sociedades democráticas modernas. Vê-la em ação explica todo nosso atraso civilizatório.

    1. Realmente, em poucos linhas, um tratado sociológico de nosso atávico atraso a qualquer coisa que inspire progresso verdadeiro.

    1. Resposta:
      Com milhares de ANTAS que votaram nela em Lula por mais de uma década. E agora essas mesmas ANTAS estão dispostas a elegerem outro populista marqueteiro.

  13. Puts, aguentar a maior jumenta jamais parida na história da humanidade, desde que o Criador deu o sopro para dar vida a Adão, falar durante uma hora e vinte minutos, é coisa de petralha maluco mesmo.