Dilma pela porta dos fundos

A imprensa brasileira aguardava Dilma na entrada principal do Le Bristol, mas a presidente, no primeiro de seus dois dias sem agenda em Paris, preferiu entrar pela porta dos fundos do hotel.

De acordo com a Folha, nem sinalização de qualquer entrevista foi dada.

Dilma sabe que, na atual crise, qualquer palavra dita pode ser usada contra ela.

[Atualização]

De última hora, surgiu uma agenda.