Dirceu, o sociólogo vazio

No relatório de indiciamento, a PF ressalta que não houve, em mais de seis meses de investigação, a comprovação sequer de “um único serviço de consultoria”.

Na maioria das comprovações apresentadas, para além de “reuniões e relatos verbais”, milhões foram pagos por consultorias sociológicas vazias que, na verdade, mascaram vantagens ilícitas atreladas, em sua maioria, a contratos com o poder público”.

Dirceu deveria ser alvo de um estudo sociológico.